‘Luz engarrafada’: Inovação e sustentabilidade

14 de agosto de 2013
garrafas_lampada_01

Quando falamos em inovação, às vezes pensamos em soluções tecnológicas de última geração. Mas pra quem tem criatividade, a próxima ideia genial pode estar bem ali ao lado – ou até em coisas que seriam descartadas. A necessidade também costuma dar uma forcinha… Foi o que aconteceu com o mecânico Alfredo Moser.

 

A ideia veio em 2002, quando o Brasil sofreu crise de energia. Ao notar a refração da luz em garrafas pet cheias d’água, ele percebeu que poderia utilizá-las como lâmpadas. A técnica foi aprimorada: cada garrafa conta também com cloro, para evitar que a água fique esverdeada pela proliferação de algas.

garrafas_lampada_02

A tampa passou a ser encapada com fita preta e, a instalação no telhado, vedada com cola de resina. Segundo Moser, um engenheiro mediu a luz das ‘garrafas-lâmpada’. Dependendo do sol, elas equivalem a lâmpadas de 40W a 60W!

 

Da vizinhança a milhares de pessoas

 

 

Alguns vizinhos e o supermercado do bairro onde o mecânico mora, em Uberaba, foram os primeiros a instalarem sua invenção. Mas a possibilidade de economizar energia durante o dia foi bem vinda também fora do Brasil.

 

A fundação de caridade MyShelter, das Filipinas, especializada em construção alternativa, usa a técnica das garrafas desde 2011. No país, um quarto da população vive abaixo da linha da pobreza, e a eletricidade é cara. Segundo o diretor executivo da fundação, Illac Angelo Diaz, 140 mil casas já tem as garrafas instaladas. Ele afirma ainda que as ‘lâmpadas’ são encontradas até em comunidades de ilhas remotas.

 

Diaz estima que a iniciativa do mecânico de Uberaba deva chegar a 1 milhão de pessoas pelo mundo até o início do próximo ano. As garrafas-lâmpada já chegaram a países como Índia, Bangladesh, Tanzânia, Argentina e Fiji. Simples, sustentável, e melhorando a vida de muita gente!

 

Fonte:

BBC

Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>