“Amigos” do Facebook. Amigos mesmo?

1 de maio de 2014
Amigos mesmo

Quantos dos seus amigos do Facebook são amigos de verdade? Com quantos você mantém contato? Quantos postam conteúdos que te interessam? A nossa lista de contatos no Facebook é chamada de Lista de Amigos. Essa definição está certa? Não deveria ser lista de Contatos?

 

Uma pesquisa americana revelou que os amigos mais excluídos do Facebook são os amigos da escola. Na lista, seguem: amigos de amigos, colegas de trabalho e amigos com interesses comuns. Outro dado da pesquisa chama muito a atenção: amigos que já foram próximos são mais excluídos do que aqueles considerados apenas como “conhecidos”. Os colegas de trabalho geralmente são excluídos por causa de atitudes fora da rede social.

 

Segundo Christopher Sibona, autor do estudo, feito pela Universidade de Denver, “se você tem muitos amigos no Facebook, o custo de manter essas amizades é muito baixo. Por isso, se você faz um esforço consciente para apertar um botão a fim de se livrar de alguém, você pode machucar”.

 

Por isso, propomos: não é melhor que passemos a pensar em Contatos do Facebook? O Facebook é mais que uma rede social (pensando no fator de sociabilidade do termo). É uma rede de comunicação, que pode servir para fins profissionais e menos pessoais. Porém, ele tem um fator pessoal muito forte, já que você acaba lidando com os gostos mais íntimos. Geralmente reunimos uma lista de centenas de amigos que sequer tem a ver com a gente. Nisso, o Facebook não consegue reproduzir o mundo real.

 

Pensar em perfis pessoais é pensar em potenciais de exposição da própria intimidade. Você pode escolher manter uma linha mais restrita, com uma lista de amigos menos pessoal, ou manter um comportamento mais íntimo, com uma lista de amigos de verdade. Muitos problemas de exclusão seriam resolvidos.

Tags:
Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>